Direto do Fórum - Da Redação

Ecosport após a troca da correia dentada só desenvolve em altas rotações

Saiba como solucionar o problema da Ecosport

Defeito: Ford Ecosport 2014 com motor Sigma 1.6 16v teve sua correia dentada substituída juntamente com o tensor e a bateria ficou desligada por três dias devido ao feriado. Com o motor funcionando foi possível verificar que, em baixas e medias rotações, o motor estava fraco e só melhorava em rotações mais elevadas e às vezes o motor para de funcionar.

Diagnóstico: o sincronismo tem que ser feito com muito cuidado e isso é regra básica para o reparador automotivo, como o defeito surgiu logo após a troca da correia sincronizadora, todo serviço foi conferido usando as ferramentas e o relógio comparador para ter a certeza que não houve alguma falha no serviço executado.

Foi realizado o reset dos parâmetros autoadaptativos e o combustível confirmado pelo scanner, visualmente e pelo odor que era gasolina.

Não havia registro de códigos de falhas e o carro desenvolve somente depois de 4.500 rpm e abaixo desta rotação, o carro parece estar engatado na marcha errada.

Solução: em casos como este não faltam sugestões para ajudar a encontrar a solução do defeito porque não se tem ideia do que está provocando a falha:

Verificar os terminais, aterramentos e conectores próximos à bateria e da correia que pode estar danificada pela movimentação do serviço executado.

Fazer teste de rodagem com o veículo em estrada com scanner e manômetro ligado.

Como tudo depende de verificação, em uma conversa com o dono do carro foi possível fazer uma importante constatação que foi o abastecimento em um posto que fica a 1 km antes de chegar na oficina e o combustível era qualquer coisa menos um bom combustível.

Aqui vale um lembrete para todos os reparadores, para que fiquem atentos aos clientes que muitas vezes associam problemas que surgem no carro depois de uma manutenção que não tem nada relacionado com o serviço executado e o diálogo é a melhor condição para chegar a um entendimento.

comentários
Avaliar:

Comentários