Oficina Brasil


Takao toma medidas diante da pandemia

Entendendo a grave situação do cenário atual, a distribuidora de peças TAKAO assume seu papel cívico e social no segmento de peças de reposição internas de motores alterando a rotina de trabalho dos colaboradores

Compartilhe
Por Da Redação


Avaliação da Matéria

Faça a sua avaliação

Algumas das atividades, como: garantia, assistência técnica, expedição, financeiro, dentre outras, serão executadas em regime de home-office, enquanto a área de vendas continuará atuando parcialmente na sede da fabricante.

Ciente de sua relevância no mercado automotivo, o grupo assume sua responsabilidade social no setor com o intuito de colaborar com a saúde de toda a população brasileira, sem descuidar, principalmente, de todos os profissionais e do padrão de atendimento já conhecido e utilizado por seus clientes. 

As medidas têm vigência imediata e serão divididas em três segmentos:

CIRCULAÇÃO – Serão suspensos eventos da TAKAO (próprios e participação nos de clientes); treinamentos internos e externos; reuniões em geral (internas e externas); viagens nacionais e internacionais até dia 17 de abril; visitas de equipes de promotores de campo até 31/03, incluindo o time técnico.

FUNCIONAMENTO DA OPERAÇÃO MARCA TAKAO – O atendimento comercial aos clientes e parceiros será mantido normalmente, sendo parte dos profissionais trabalhando em home office e a outra parte na sede. Enquanto as áreas de suporte (Marketing, RH e Financeiro) trabalharão em home office até 31 março. A Expedição terá horário de atendimento diferenciado com medidas preventivas apoiado por um técnico de segurança. A área de Qualidade/SAC manterá sua rotina de atendimento normalmente, contudo prevemos que poderá haver um impacto no tempo de análise das garantias.

CUIDADOS COM COLABORADORES DA EMPRESA –  Segundo o grupo, os funcionários que continuarem atuando na sede da empresa terão horários diferenciados (para evitar maior fluxo de pessoas), postos de trabalho redistribuídos (mínimo de 2 metros de distância), reembolso de combustível para uso de carro particular, estacionamento e pagamento de Uber (para evitar o uso de transporte público), além de uma série de cuidados extras.

Adicionalmente a isso, colaboradores considerados como grupos de risco, pais e mães de crianças até 16 anos estão sendo priorizados na escala de home-office.

A segundo a distribuidora, ela não medirá esforços e acompanhará todas as medidas definidas pelo Ministério da Saúde de forma imediata, colocando-se à disposição de clientes e parceiros para troca de informações sobre procedimentos tomados bem como melhores práticas.

Comentários