Oficina Brasil


Sondas de banda larga são produzidas pela NGK

A NGK divulgou dicas sobre o reparo, revisão, sinais de falhas de sondas de banda larga. 

Por Da redação

A NGK divulgou dicas sobre o reparo, revisão, sinais de falhas de sondas de banda larga. 

Também conhecida como sonda lambda, serve para medir com precisão a relação ar/combustível e contribuir para o melhor desempenho do sistema de injeção eletrônica. Antes, presente em carros premium, hoje é encontrado em modelos populares como por exemplo, o Volkswagen Up!. 

De acordo com Hiromori Mori, consultor de Assistência Técnica da NGK, uma característica deste sensor é que ele trabalha associado a um chip controlador que normalmente está dentro do módulo de injeção. “Desta forma, é recomendado utilizar a mesma marca da sonda original. Verifique a correta aplicação na tabela NGKNTK”, explica Mori. 

 O diagnóstico e detecção de problemas neste sistema é muito mais complicado. O recomendado é analisar todo o sistema de injeção. Problemas na sonda são detectados por exclusão de etapas de revisão.  

Comentários