Cachorro faz mal a moça...

Quem é um pouco mais “antigo” há de lembrar (verdade ou mito) da história sobre a manchete de um jornal sensacionalista para promover venda nas bancas

O aftermarket são as pessoas...

Quem acompanha o conteúdo da mala-direta OFICINA BRASIL conhece nossa obsessão por entender a dinâmica do mercado de reposição

Risco calculado...

“Arrisque-se! Toda vida é um risco. O homem que vai mais long=e é geralmente aquele que está disposto a fazer e a ousar. O barco da ‘segurança’ nunca vai muito além da margem”. Dale Carnegie

O novo normal no Aftermarket

Desde o decreto de pandemia pela OMS em março deste ano, o mundo vem experimentando novos hábitos. Alguns são velhos conhecidos, mas que foram resgatados na lembrança e aplicados no nosso dia-dia por conta da doença

Boas notícias do mercado!!!

Desde 2009 a CINAU, área de Inteligência de Mercado do Grupo Oficina Brasil acompanha o dia a dia de 53 mil oficinas mecânicas que representam 70% do mercado de linha leve e comercial leve. De forma inédita estes estudos periódicos (IGD – Indicador de Geração de Demanda) avaliam desde o hábito de compra das oficinas até o número de passagens (serviços)

Nossa indústria está resistindo!

Pela primeira vez em 30 anos a edição do jornal Oficina Brasil será numa versão 100% digital. Ocorre que esta pandemia, sem contar com o aspecto mais triste das vidas ceifadas, está levando ao colapso inúmeras atividades econômicas.

Trabalho duro e otimismo nunca mataram ninguém, muito pelo contrário

Vivemos um mês de maio atípico e com uma velocidade nos últimos quinze dias de assustar até os mais corajosos:

Dezembro é o oficial, mas Abril foi o mês da reparação

À primeira vista parece um contrassenso, mas a verdade é que nunca o mercado de reparação esteve em tanta evidência quanto no mês de abril de 2016, acompanhe esta cronologia.

Estado mínimo é igual a Empreendedorismo máximo

Lembro que na olimpíada de Moscou (1980) comecei a tomar contato com as palavras comunismo e socialismo e na tentativa de explicar algo tão complexo para uma criança e em tempos ainda turbulentos (a Anistia – ampla, geral e irrestrita – acabara de ser aprovada), meus pais me disseram que lá na União Soviética tudo era de todos e que todos tinham as mesmas coisas: roupas, bicicletas, casas, etc.

Harmonia entre dimensões

por Cassio Hervé

Quer que 2016 seja melhor do que 2015? Então não se iluda, trabalhe!

Todo final de ano é a mesma história: retrospectiva do ano que termina na televisão, lembramos de fatos que gostaríamos de esquecer e tomamos conhecimento de acontecimentos que sequer passaram pelo nosso radar e que, no fundo, não melhoraram nem pioraram a nossa situação geral

Como você vai se lembrar de 2015: com boas ou más recordações?

Que tal começar 2016 com um novo posicionamento?

Nossos 15 minutos de fama!

Atuamos no aftermarket automotivo... pós-venda... mercado de reposição... mercado de reparação... conserto de carros e assim vai...

Se não podem ajudar, que não atrapalhem!

O Brasil tem uma longa tradição política de meses de agosto tenebrosos (Getúlio, Jânio, Juscelino, Eduardo Campos, etc.) e esperava-se que agosto de 2015 viesse somar fatos a este enorme histórico de calamidades, mas como dizem os jovens: “só que não”

Se não podem ajudar, que não atrapalhem!

O Brasil tem uma longa tradição política de meses de agosto tenebrosos (Getúlio, Jânio, Juscelino, Eduardo Campos, etc.) e esperava-se que agosto de 2015 viesse somar fatos a este enorme histórico de calamidades, mas como dizem os jovens: “só que não”

Chegou a época do planejamento: época de entender e atender melhor o mercado

Por que não tentar em 2016 algo diferente em seu planejamento?

O que o Canal do Panamá pode nos ensinar sobre o mercado de reposição?

Diariamente desafiamos as barreiras que se impõem para seguir adiante e continuar servindo o cliente

Crise? Que crise?

Toda crise é uma oportunidade de repensarmos o que fazemos e como fazemos.