Oficina Brasil


Sprinter não ultrapassa 3.000 RPM

Saiba como foi solucionado o defeito do modelo da Mercedes-Benz

Por Da redação

Defeito: Um reparador cadastrado no Fórum relatou que um cliente chegou em sua oficina alegando que seu veículo, uma Sprinter 311, ano 2014, estava apresentando perda de potência. O modelo da marca Mercedes não ultrapassava os 3.000 RPM.

O intrigante do caso era o fato de que em aceleração o veículo não ultrapassava essa rotação, mas ao frenar a rotação subia até o momento que o veículo começa a frear o motor e ela diminuir.

Diagnóstico: Ao iniciar o diagnóstico, o reparador relata que constatou o código de falha P2263, falha no sistema de turbo/ supercharger. Um colega reparador cadastrado no fórum, ao ler o relato do colega de profissão, orientou que fosse feita uma revisão completa da turbina, verificando desgastes e folgas fora dos parâmetros estabelecidos pelo fabricante.

Outro colega de profissão questionou se o modelo do veículo possuía bomba de vácuo e obteve uma resposta positiva do reparador, que ressaltou o fato de que ao frear o carro ou afastar o sensor do pedal de freio, a rotação subia e logo em seguida o carro começava a apresentar falha devido ao sensor estar fora de posição.

O reparador relata que verificou o sistema completo, onde as turbinas estavam em bom estado e dentro dos parâmetros especificados, as mangueiras e conexões também apresentavam bom estado, sem rupturas ou ressecamentos que pudessem comprometer o funcionamento do sistema.

Ainda contando com a ajuda de seus companheiros do Fórum, outro reparador recomendou verificar a válvula de acionamento da turbina, que para esse modelo fica localizada na parte de baixo da caixa do filtro de ar.

Solução: Após analisar todo o sistema de turbo, decidiu então seguir a dica do seu companheiro do Fórum e verificar a válvula de acionamento da turbina. Foi só assim que o reparador chegou a solução do problema, aproveitando para verificar as demais válvulas que possuíam influência direta ou indireta no sistema de turbo desse motor. Foi então que constatou mal funcionamento da válvula reguladora de pressão do turbo, a mesma válvula que seu colega reparador recomendou que ele verificasse.

Realizou a troca do componente que se encontrava com defeito e o problema foi sanado, voltando o sistema a operar da maneira apropriada.

Comentários